Search

Um novo centro de inovação em medicina regenerativa

Estabelecendo novas áreas de expertise

Com o estabelecimento de uma nova Project House, em Cingapura, a Evonik acelera o seu foco em engenharia de tecidos e medicina regenerativa.

Mais de 20 cientistas da Evonik, de disciplinas variadas, vão se especializar no desenvolvimento de soluções inovadoras em biomateriais que podem ser usadas para criar uma nova geração de implantes biológicos em aplicações médicas. A Tissue Engineering Project House também vai trabalhar em estreita cooperação com o Medical Device Competence Center estabelecido em Birmingham, Alabama, com o objetivo de desenvolver polímeros biodegradáveis adequados ao uso como scaffolds na substituição tecidual.

O objetivo fundamental da Evonik é cultivar tecido fora do organismo, para depois implantá-lo como maneira de criar ou regenerar ossos, cartilagem, tendões ou até mesmo artérias. Alexander König, responsável pela nova Project House, diz: “Nosso objetivo é pesquisar soluções de engenharia tecidual que sejam confiáveis, escaláveis e eficazes para aplicação na medicina regenerativa”.